quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Outra Vez

A belíssima “Outra Vez”, um dos maiores sucessos de Roberto Carlos, foi composto pela brilhante compositora Isolda (1957), com apenas vinte anos, no ano de 1977.

A canção foi composta em homenagem ao irmão de Isolda, Milton Carlos (cantor e compositor), que faleceu um anos antes, em 1976. Milton Carlos faleceu em um acidente de carro com apenas 22 anos de idade.

Embora pareça tratar de um fim de relacionamento amoroso entre um casal a música traduz a saudade que Isolda sentia do irmão tão querido. Essa foi sua primeira composição sem a parceria do irmão.

"Outra vez" tornou-se um grande sucesso na gravação de Roberto Carlos. Teve também inúmeras gravações de outros artistas, como Altemar Dutra, Simone, Emílio Santiago e outros além das gravações no exterior de Pepino de Capri, Armando Manzanero e Ray Conniff.

“Outra Vez” esteve presente na trilha sonora do filme “Meu nome não é Johnny” (2007 – Selton Mello) e nas trilhas das novelas “ Cobras e Lagartos” (2006- Ivo Pessoa), “Dancin’ Days (1978 – Roberto Carlos) e "Roda de Fogo - internacional(1986 - Pepino Di Capri).

OUTRA VEZ
(Isolda)

Você foi o maior dos meus casos
De todos os abraços
O que eu nunca esqueci
Você foi, dos amores que eu tive
O mais complicado e o mais simples pra mim
Você foi o melhor dos meus erros
A mais estranha estória
Que alguém já escreveu
E é por essas e outras
Que a minha saudade faz lembrar
De tudo outra vez....
Você foi a mentira sincera
Brincadeira mais séria que me aconteceu
Você foi o caso mais antigo
E o amor mais amigo que me apareceu
Das lembranças que eu trago na vida
Você é a saudade que eu gosto de ter
Só assim sinto você bem perto de mim outra vez
Esqueci de tentar te esquecer
Resolvi te querer por querer
Decidi te lembrar quantas vêzes
Eu tenha vontade sem nada a perder
Você foi toda a felicidade
Você foi a maldade
Que só me fez bem
Você foi o melhor dos meus planos
E o maior dos enganos que eu pude fazer
Das lembranças que eu trago na vida
Você é a saudade que eu gosto de ter
Só assim sinto você bem perto de mim outra vez.

Nenhum comentário:

Postar um comentário