quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Eu Só Quero Um Xodó

É uma toada de Dominguinhos (1941) e Anastácia (1941) do ano de 1962 e que conta com mais de 400 regravações no Brasil e no exterior (segundo Anastácia). Dentre as gravações em outras línguas, destacam-se o inglês, o holandês e o italiano.

Anastácia conta que em 1962 compôs a música que fez sucesso nacionalmente, principalmente na voz de Gilberto Gil, em 1973. A letra é dela e a melodia, de Dominguinhos. “A gente morava em São Paulo e, quando chegava perto do São João os cantores ficavam pedindo música. A gente tinha uma máquina de fazer música nordestina. Eu tava fritando um peixinho pro almoço quando a melodia me chamou a atenção e eu comecei a fazer o esboço de uma letra”, relembra ela.

EU SÓ QUERO UM XODÓ
(Anastácia / Dominguinhos)

Que falta eu sinto
De um bem
Que falta me faz
Um xodó
Mas como eu não tenho ninguém
Eu levo a vida assim tão só
Eu só quero um amor
Que acabe o meu sofrer
Um xodó pra mim
Do meu jeito assim
Que alegre o meu viver.

Nenhum comentário:

Postar um comentário