quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Dora

“Dora” é um samba-canção, que tem como introdução um frevo, composto pelo gênio Dorival Caymmi(1914-2008) em 1945.

Pode ser considerada uma composição em homenagem a Recife, Pernambuco. Caymmi estava sentado em um bar que já estava quase fechando quando ouviu uma banda tocando um frevo. A frente do cortejo carnavalesco vinha uma mulata linda, de corpo escultural, dançando, pelo simples prazer de dançar, Caymmi ficou tão encantado com a figura da mulher que naquela mesma noite começou a escrever os primeiros versos do samba.

Dora
(Dorival Caymmi)

Dora rainha do frevo e do maracatu
Dora rainha cafuza de um maracatu
Te conheci no recife dos rios cortados de pontes
Dos bairros, das fontes coloniais
Dora, chamei
Oh Dora, oh Dora
Eu vim à cidade pra ver meu bem passar
Oh Dora, e agora?
No meu pensamento eu te vejo requebrando pra cá
Hora pra lá
Meu bem
Os clarins da banda militar
Tocam para anunciar
Sua Dora agora vai passar
Venham ver o que é bom
Ô Dora rainha do frevo e do maracatu
Ninguém requebra nem dança melhor do que tu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário