quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Boneca de Pano

O samba "Boneca de Pano" (1950) é uma composição de Assis Valente (1911-1958), gravada originalmente por Quatro Ases e Um Coringa.

BONECA DE PANO
(Assis Valente)

Boneca de pano
gingando num cabaré…
Poderia ser bonequinha de louça.
Tão moça; mas não é!…
Poderia ser bonequinha de louça,
Tão moça; mas não é!…

Um dia, alguém a chamou de boneca
e ela, sendo mulher, acreditou…
O tempo foi-se passando e ela se desmanchando…
Hoje, quem olha pra ela não diz quem é.
Em vez de boneca de louça,
hoje é boneca de pano
de um sombrio cabaré…

Boneca de pano
gingando num cabaré…
Poderia ser bonequinha de louça.
Tão moça; mas não é!…
Poderia ser bonequinha de louça,
Tão moça; mas não é!…

Em vez de boneca de louca,
hoje é boneca de pano
de um sombrio cabaré…

Nenhum comentário:

Postar um comentário