quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Coisinha do Pai

O excelente e inesquecível samba "Coisinha do Pai", composto por Jorge Aragão (1/3/1949), Almir Guineto (12/7/1946) e Luiz Carlos, foi lançada no álbum "Beth Carvalho no Pagode" (1979), de Beth Carvalho.

“Coisinha do Pai” foi composta originalmente por Jorge Aragão para embalar o sono de suas filhas Vânia e Tânia. Foi também um dos maiores sucessos do tradicional bloco carnavalesco carioca Cacique de Ramos.

Essa música, inclusive, foi levada além de fronteiras terrenas, pois ganhou uma gravação especial em 1997 para “acordar” o robô Mars Pathfinder, que foi enviado à Marte pela Nasa.

COISINHA DO PAI
(Jorge Aragão / Almir Guineto / Luiz Carlos)

O Coisinha Tão Bonitinha Do Pai
O Coisinha Tão Bonitinha Do Pai
O Coisinha Tão Bonitinha Do Pai
A Coisinha Tão Bonitinha Do Pai

Voce Vale Ouro todo O Meu Tesouro
Tao Formosa Da Cabeça Aos Pés
Vou Lhe Amando Lhe Adorando
Digo Mais Uma Vez
Agradeço A Deus Por Que Lhe Fez

O Coisinha Tão Bonitinha Do Pai
O Coisinha Tão Bonitinha Do Pai
O Coisinha Tão Bonitinha Do Pai
A Coisinha Tão Bonitinha Do Pai

Charmosa é Tão Dengosa
Que Só Me Deixa Prosa
Tesouro é Que Vale Ouro
Agradeço A Deus Por Que Lhe Fez

O Coisinha Tão Bonitinha Do Pai
O Coisinha Tão Bonitinha Do Pai
O Coisinha Tão Bonitinha Do Pai
A Coisinha Tão Bonitinha Do Pai.

Nenhum comentário:

Postar um comentário